Proteínas

Saiba mais sobre a importância das proteínas na nutrição humana

urn_cambridge.org_id_binary_20160318061226702-0669_S0007114509991310_fig2g.gif
urn_cambridge.org_id_binary_20180119061937994-0258_S002966511700194X_S002966511700194X_tab
unnamed-5.png

Os bovinos comem a nossa proteína?

A resposta é não.

Um estudo australiano, que vale para quase todo o mundo, mostrou que quando os bovinos são criados em sistemas intensivos, ou seja, comendo ração, eles usam 1 parte de proteína que os humanos poderiam comer para produzir 2 partes de proteína na carne. Já quando são criados a pasto, ex. 90% do gado brasileiro,  eles comem 1 parte de proteína comestível pelo ser humano e produzem 1600 partes de proteína na carne. Isso prova que os ruminantes são recicladores e não competidores de alimentos. Isso sem falar na qualidade da proteína (tem post aqui no site sobre isso).

Animal ou Vegetal - Diferenças e Similaridades

Com base nas evidências atualmente disponíveis de estudos, há um consenso geral de que, grama por grama, a ingestão de fontes de proteína de origem animal, como laticínios e carne, são mais potentes em termos de estimulação da síntese de proteína muscular em comparação com proteínas vegetais.

Do ponto de vista da sustentabilidade ambiental e segurança alimentar, alimentos ricos em proteínas de base vegetal podem ser considerados vantajosos em relação aos alimentos ricos em proteínas de origem animal grama por grama, mas não quando levada em consideração a maior dose de proteína que pode ser necessária para estimular ao máximo a síntese de proteína muscular.

Relationship between animal protein intake and muscle mass index in healthy women

A quantidade e o tipo de proteína dietética podem desempenhar um papel na determinação da quantidade de massa muscular esquelética. O objetivo foi examinar a relação entre o tipo de ingestão de proteína e o nível de massa muscular em mulheres saudáveis, onívoras e vegetarianas, brancas.

Assim, uma dieta vegetariana está associada a um índice de massa muscular menor do que uma dieta onívora com a mesma ingestão de proteína. Um bom indicador do índice de massa muscular em mulheres parece ser a ingestão de proteína animal.